It's Us against the world...
20 anos, apaixonada por filmes , séries,fotografia e arquitetura.
Estudante de Engenharia Civil, tentando colocar os pensamentos em dia.
“There are some hurts that you never completely get over. And you think that time will diminish their presence and to a degree it does, but it still hurts because well, hurt hurts.”








thehillsarenothere:

okay u can make fun of Shrek all you want but if u don’t think they were the most beautiful fucking movies ever then ur wrong


“Agora eu entendo. Desligar tudo que sente é trapaça. Ao fazer um muro e bloquear tudo que te faz ser o que é, você acha que nada mais te afeta, nada importa. Mas na verdade, importam sim. Certas coisas não podem ser desfeitas.”
The Vampire Diaries.  (via encasulada)

when youre at a concert does it suddenly hit you at random moments that the band are real people and not just pictures on the internet



airrwaves:

anamorphosis-and-isolate:

Her (2013)

Theodore: Sometimes I look at people…and I make myself try and feel them as more than just a random person walking by. I imagine, how deeply they’ve fallen in love…or how much heartbreak they’ve all been through.


“Todas as cartas de amor são ridículas. Não seriam cartas de amor se não fossem ridículas. Também escrevi em meu tempo cartas de amor, como as outras, ridículas. As cartas de amor, se há amor, têm de ser ridículas. Mas, afinal, só as criaturas que nunca escreveram cartas de amor é que são ridículas. Quem me dera no tempo em que escrevia sem dar por isso cartas de amor ridículas. A verdade é que hoje as minhas memórias dessas cartas de amor é que são ridículas. (Todas as palavras esdrúxulas, como os sentimentos esdrúxulos, são naturalmente ridículas.)”
Fernando Pessoa.  (via reencontrar)


THEME